Descubra como funciona uma aula de Pilates!

Entre uma série de exercícios disponíveis, você pensou em descobrir como funciona uma aula de Pilates. É uma excelente escolha, afinal, ele pode te ajudar a perder peso, ganhar mais elasticidade e até mesmo aumentar sua resistência física.

Mas como ela funciona? Será que é preciso ter algum tipo de condicionamento físico antes de fazer a matrícula? No texto de hoje, iremos responder essas e outras perguntas sobre o exercício que ganha cada vez mais adeptos. Confira!

 

O que é Pilates?

 

Embora muitas pessoas só tenham conhecido o Pilates recentemente,  trata-se de uma prática esportiva criada em 1920. A ideia geral dela é fortalecer os músculos, ajudar na elasticidade e trazer mais qualidade de vida ao praticante.

Sua criação inicial foi voltada para treinar bailarinos e atletas que precisam aumentar a resistência física e o desempenho em suas áreas. Por muito tempo, o Pilates ficou restrito a quem praticava algum tipo de exercício físico intenso. Porém, essa não é mais uma realidade e hoje a prática é indicada para todas as pessoas, com a função de melhorar a conexão corpo e mente – não apenas de quem já está acostumado com esportes mas também para quem deseja manter a saúde no geral.

 

Como funciona a aula de Pilates?

 

Existem várias formas de se trabalhar com a prática de Pilates. O mais comum é que o exercício seja feito no chão ou em alguns aparelhos mais específicos e modernos – como é o caso das aulas no studio da Pure Pilates.

As aulas podem ser individuais ou em grupos, sendo a primeira opção a mais comum para pessoas que querem um contato próximo ao professor ou sentem algum tipo de inibição.

Os exercícios dependem muito da academia e da condição física de cada alunos. Mas, em geral, eles envolvem:

 

  •  Práticas de respiração, prestando atenção em como ela funciona.

 

  • Alongamento para melhorar problemas como dores e falta de elasticidade.

 

  • Exercícios de equilíbrio, que ajudam também no quesito elasticidade.

 

  • Exercícios para trabalhar a força muscular, essenciais para que o aluno comece a criar mais noção de corpo e de percepção.

 

  • Exercícios de coordenação motora, realizados em aparelhos ou mesmo nas famosas bolas de Pilates.

 

  • Exercícios de melhoramento de postura.

 

Geralmente, as aulas duram em torno de uma hora cada e têm um poder incrível de mudança logo nos primeiros dias.

 

Quem pode realizar uma aula de Pilates?

 

Todas as pessoas podem realizar uma aula de Pilates, com exceção daqueles que possuem algum tipo de restrição médica. No geral, a prática é muito inclusiva e traz qualidade de vida para pessoas de diversas faixas etárias – mesmo idosos ou quem está sedentário há muito tempo.

O Pilates, porém, será ministrado conforme a sua condição física e o professor é instruído a jamais ultrapassar o limite de cada aluno. Isso torna o exercício perfeito para quem precisa se movimentar e não sabe por onde começar até para atletas que desejam melhorar a força muscular e a elasticidade.

Essa característica do Pilates faz com que ele seja cada vez mais procurado e possa ser reconhecido como uma prática extremamente eficaz e saudável.

 

Quais os benefícios do Pilates?

 

Entre tantos benefícios que citamos do Pilates, alguns valem a pena anotar para tirar a dúvida sobre qual é a sua real intenção ao começar a prática. Vamos aos principais deles:

 

  • Melhora da respiração e do fôlego.
  • Mais atenção aos sinais do organismo devido à melhor conexão corpo e mente.
  • Elasticidade otimizada, mais desenvoltura para realizar as tarefas diárias.
  • Mais força física, muscular e controle do próprio corpo.
  • Emagrecimento e melhora da autoestima.
  • Potencialização de exercícios pesados, como a corrida ou musculação.
  • Qualidade de vida e mais disposição.

 

Gostou das nossas dicas e se interessou pelo Pilates? Agende uma aula experimental gratuita em nosso studio e descubra se esse é o exercício ideal para você.

 

 

Deixe seu comentário

Reserve sua aula gratuita!

Agendar Agora

Seja um franqueado!

Saiba mais