Empreender pode ser uma forma de sair da depressão, indicam estudos

Empreender pode ser uma forma de sair da depressão, indicam estudos
Avalie este post

Já imaginou que empreender possa ser uma forma de lidar com a depressão? É o que uma pesquisa britânica disse no ano de 2018. Segundo os pesquisadores, não apenas empreender, mas também o trabalho naquilo que se ama pode ajudar as pessoas a saírem de crises de ansiedade e depressão. 

Abaixo, vamos falar um pouquinho melhor sobre esse assunto. Confira!

 

Agende a Sua Aula Experimental

Agende a Sua Aula Gratuita num dos mais de 60 Espaços Pure Pilates em São Paulo.

Por que empreender pode ajudar alguém a sair da depressão?

 

Explicando os estudos dos britânicos, empreender pode ajudar a sair da depressão por alguns motivos bem óbvios, como:

 

  • Quem empreende geralmente tem uma sensação de estar fazendo mais por si mesmo. O empreendedor escolhe no que vai trabalhar e tem mais autonomia. Essa característica faz com os problemas como a depressão sejam menos comuns nesse grupo. 

 

  • Quando o negócio dá certo, o empreendedor experimenta uma sensação de felicidade que ajuda a prevenir a depressão, a ansiedade e outros sintomas ruins de quando a saúde mental não vai bem. Descobriu-se que a felicidade em concluir uma venda, por exemplo, se parece com aquela que experimentamos em conquistar mais pessoais. 

 

O lado ruim de empreender – Ele existe?

 

Como tudo na vida, existem dois lados em empreender: o bom e o ruim. E, segundo especialistas, assim como o sucesso pode trazer bons sentimentos à tona, o fracasso do negócio também pode gerar crises de ansiedade e depressão. E como evitar que o sua empresa traga problemas? Selecionamos algumas dicas:

 

1- Se apegue menos aos resultados 

 

Fazer o que gosta requer abrir mão do apego em relação aos resultados financeiros. É claro que você vai querer que o seu negócio tenha sucesso ou que, pelo menos, não se torne um problema nesse sentido. 

Porém, é importante saber que existirão meses em que o movimento estará mais fraco, por exemplo, e tudo bem. Tente se apegar menos aos resultados e considere que você está fazendo aquilo que mais ama – e isso já vale muito! 

 

2- Abra um negócio com menos chances de dar errado

 

Sempre é possível que um negócio dê errado, mas é também viável tentar evitar isso procurando um modelo que é mais seguro, como é o caso das Franquias. 

Com uma equipe experiente por trás, as franquias são boas opções para quem se envolve emocionalmente com a empresa e pode desenvolver problemas caso ela não vá bem. Mais segura e estável, as franquias costumam ser perfeitas para esses casos. 

 

3- Saiba recomeçar

 

Se o negócio não estiver indo bem, você precisa ter forças para recomeçar. Pode parecer difícil, mas não se abalar com um problema financeiro ou mesmo com a falência, ajudará a você criar um novo negócio ou até mesmo a voltar para um trabalho convencional. 

Saiba a hora de recomeçar e não deixar que sua saúde mental seja abalada por isso.

 

Seja como for, saiba que o seu negócio tem tudo para se tornar um dos motivos da sua felicidade. Só saiba que ele não pode ser o único! 

 

Gostou das dicas de hoje? Compartilhe o texto nas redes sociais com seus amigos e familiares. Até o próximo texto. 

 

Deixe seu comentário

Descubra como Pure Pilates Ajudou Mais de 15.000 Pessoas

Reserve sua aula gratuita!

Agendar Agora

Seja um franqueado!

Saiba mais