Gestantes podem praticar pilates?

Por muito tempo ginecologistas, obstetras e outros profissionais da área da saúde não recomendavam a prática do exercício de Pilates em mulheres que estavam grávidas. Os riscos dessa prática para as gestantes eram relacionados com os esforços que o exercício exigia do organismo, podendo aumentar a chance de problemas para a saúde do bebê, que incluíam até mesmo o aborto.

Hoje sabe-se que o pilates é um exercício considerado extremamente essencial para a mulher durante o período gestacional, especialmente por que ele pode ser desenvolvido sem a realização dos exercícios considerados perigosos para a saúde da mãe e do filho.

Confira nesse artigo os benefícios e os principais exercícios de pilates para as gestantes!

Benefícios do pilates para gestantes

O pilates é um tipo de exercício físico extremamente saudável para qualquer tipo de pessoa – inclusive as gestantes. Quando essas mulheres podem usufruir da prática dessa atividade, elas vivenciam diferentes benefícios para o seu organismo, que listamos abaixo:

  • Melhor recuperação no período pós-parto, com menores dores e rápido retorno da musculatura e da pele à posição inicial;

  • Maior facilidade de alongamento dos músculos das costas e pernas, o que pode facilitar o momento do parto e reduzir possíveis dores durante o período gestacional;

  • Melhor condicionamento físico;

  • Mais facilidade para respirar e, consequentemente, melhora da circulação sanguínea e oxigenação do feto.

Mesmo que o Pilates seja uma atividade indicada para gestantes, é importante que sua prática só seja realizada após uma liberação médica, feita por seu ginecologista ou obstetra. O professor de Pilates só deve iniciar o exercício quando a aluna apresentar esse atestado de prática por escrito, liberando a realização dos movimentos.

Contraindicações de gestantes que podem praticar pilates

Não existe nenhuma contraindicação da prática do Pilates na gravidez, desde que mãe e filho estejam saudáveis e sem manifestação de outros riscos relacionados com esse período. Por esse motivo é tão importante que o médico responsável pela paciente esteja de acordo com a prática desse exercício.

Exercícios mais indicados para gestantes

O pilates para gestantes deve focar, quase que exclusivamente, nos exercícios de alongamento, para facilitar a adaptação da mulher às alterações provocadas no seu corpo durante a gravidez.

Esses exercícios também ajudam a mulher a reencontrar seu centro de gravidade – perdido com o crescimento do bebê e aumento da região abdominal – e também a fortalecer as musculaturas dos braços, pernas, assoalho pélvico e outros importantes para a sustentação do corpo da mãe e do peso do bebê.

Exercícios contraindicados para gestantes

Todos os exercícios relacionados com posições arriscadas – que podem resultar em quedas – esforços intensos na região abdominal ou muito impacto, são considerados contraindicados para as gestantes que optam em realizar o pilates. O exercício das mulheres que estão grávidas deve ser leve, prazeroso e eficiente, porém sem jamais colocar em risco a integridade física da mãe ou a vida do bebê.

Você conhecia os benefícios do pilares para as gestantes? Compartilhe com a gente suas dúvidas sobre o assunto!

 

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Reserve sua aula gratuita!

Agendar Agora

Seja um franqueado!

Saiba mais