Melhore a qualidade do seu sono com Pilates

Se você é daquelas pessoas ligadas no 220v e não consegue fazer a sua cabeça parar e relaxar nem na hora de dormir, saiba que é preciso mudar alguns hábitos e correr atrás de uma boa noite de sono.

Isso porque passamos um terço da nossa vida dormindo, e se o seu sono não tiver qualidade, você compromete o seu bem estar, rendimento e principalmente a sua saúde.

Noites em claro, e dificuldade de dormir tem sido a rotina das suas noites? Então acompanhe o nosso artigo e veja como pode solucionar os distúrbios do sono e todos os comprometimentos que eles podem acarretar.

Distúrbios do sono

Os mais de 100 distúrbios do sono já identificados, sendo a insônia o mais comum deles, possuem diversos fatores de desencadeamento, porém a vida moderna com excesso de cansaço, preocupação e estresse acabam favorecendo esses males.

Como consequência, quem sofre com esses distúrbios fica sem energia, perde a produtividade, apresenta desânimo e fraqueza, além de estar mais suscetível ao ganho de peso (principalmente o acúmulo de gordura na região abdominal por conta da liberação do cortisol) e apresentar dificuldades em manter as taxas de açúcar no sangue.

A prática de atividades físicas para a melhora do sono

De acordo com uma pesquisa da American Sleep Disorders Association, os exercícios físicos como agentes da melhoria da qualidade do sono foram comprovados e aceitos como uma intervenção não farmacológica de acordo com três hipóteses.

A primeira, chamada de termorreguladora, defende que o aumento da temperatura corporal proporcionado pelo exercício facilita o gatilho para o sono, por ativa mecanismos controlados pelo hipotálamo de dissipação do calor da indução do sono. A segunda diz respeito á conservação da energia. De acordo com ela, o gasto energético da prática física aumenta a necessidade do sono. A terceira hipótese, conhecida como restauradora ou compensatória, assim como a anterior, defende que a alta atividade catabólica reduz as reservas energéticas, o que também aumenta a necessidade do sono.

Ou seja, o sono de quem é ativo fisicamente tem melhor qualidade do que das pessoas sedentárias, e que não praticam nenhum exercício físico.

O papel do pilates na melhoria do sono

Para quem sofre com distúrbios do sono e quer voltar a ter noites de sono com qualidade, o pilates como ferramenta é altamente recomendado. Isso porque a prática promove sensações de tranquilidade, consciência corporal e bem-estar trabalhando exercícios cujas sobrecargas são aumentadas gradativamente.

A respiração é outro elemento importante nos exercícios de pilates, que acabam potencializando a capacidade respiratória dos praticantes. Toda a reeducação corporal que o pilates proporciona ajuda a diminuir os níveis de estresse e ansiedade, presentes nos indivíduos que sofrem com distúrbios do sono.

Outra vantagem do pilates é que a prática pode ser feita até duas horas antes do sono, sem prejudicar a qualidade do mesmo. Isso acontece pois os exercícios não exigem picos de energia e não causam desgaste físico, que pode ajudar a ter uma noite agitada e mal dormida.

 A melhora na qualidade do sono é apenas um dos inúmeros benefícios que a prática do pilates proporciona para os seus praticantes. Por isso, programe-se e comece a sentir os resultados logo nas primeiras aulas.

E você, tem alguma dificuldade para dormir ou sofre com algum distúrbio do sono? Conte pra gente pelos comentários.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Reserve sua aula gratuita!

Agendar Agora

Seja um franqueado!

Saiba mais