Longo prazo: A franquia de Pilates é um bom negócio para o futuro?

Longo prazo: A franquia de Pilates é um bom negócio para o futuro?
Avalie este post

Abrir uma empresa sempre compensa, dizem os especialistas – desde que ela seja viável, dê bons lucros e te traga prazer. Nesse sentido, muitas pessoas se perguntam se o Pilates é um bom negócio e mais: se ele é capaz de se manter no longo prazo.

Essa análise é importante, afinal, o seu negócio precisa sobreviver com o passar dos anos – especialmente porque será necessário investir tempo, dinheiro e muito trabalho nele.

No texto de hoje, vamos explicar um pouco como a franquia de Pilates funciona e trazer algumas previsões sobre sua durabilidade e sua eficácia ao longo dos anos. Confira!

Agende a Sua Aula Experimental

Agende a Sua Aula Gratuita num dos mais de 60 Espaços Pure Pilates em São Paulo.

 

Primeiro, o Pilates é um bom negócio?

 

Vamos resumir, o Pilates é um bom negócio, por alguns motivos bem simples: ele está atrelado a área da saúde, que só cresce no país e também ao bem-estar e autoconhecimento, que está em ascensão.

Pessoas de cidades grandes e pequenas estão em busca de menos estresse, mais saúde e emagrecimento. Todos esses são ingredientes que tornam o Pilates um dos exercícios mais completos e comentados dos últimos anos.

 

Mas e a duração desse negócio?

 

Agora, será que o Pilates é um negócio que durará por anos? Será que ele não cairá em desuso em pouco tempo? Vamos considerar alguns fatores:

 

  • O método Pilates existe há décadas e foi criado com a intenção de ajudar atletas. Ele é utilizado há muitos anos como fonte de bem-estar e emagrecimento.

 

  • O crescimento da prática não é tão recente assim. No Brasil, desde os anos 90 temos uma ascensão que não diminui com o passar do tempo. O método passou de moda para uma necessidade diária há muito tempo.

 

  • Quem pratica Pilates não deixa de fazê-lo com tanta facilidade. A maioria dos alunos levam a ideia para a vida e costumam manter sua frequência. Isso porque ele é mais voltado para o bem-estar do que para a estética. As pessoas não costumam desistir do que faz bem para elas.

 

Considerando todos os fatores acima, é fácil dizer que o Pilates é um bom negócio, porque seus alunos irão procurar mais do que apenas uma academia ou um exercício que podem desistir em pouco tempo: eles estão em busca de uma rotina diferenciada e saudável e o seu studio poderá oferecer isso.




Leitura Recomendada:

 

Você quer conhecer alguns casos de sucesso da Microfranquia de Pilates? Se inspire e saiba como eles conseguiram chegar tão longe! Baixe nosso material totalmente grátis e comece hoje mesmo sua nova trajetória profissional!




Marketing e divulgação: como trazer novos alunos?

 

Esse é um ponto importante para qualquer negócio. Ter um bom marketing e conseguir atrair pessoas que não conhecem o método é uma forma de se manter e de expandir seu studio. Mas, como fazer isso?

Com nossa franquia, utilizamos o marketing digital, que só cresce no mundo inteiro e traz excelentes benefícios. Além de ser de alto alcance, as redes sociais segmentam o público, atingindo em cheio quem busca o que você tem a oferecer.

Por isso, é válido optar por franquias que trazem um pacote completo de marketing online, evitando o trabalho e o gasto de precisar contratar uma agência para isso.

 

Gostou das nossas dicas e quer fazer parte do time Pure Pilates? Conheça mais sobre as nossas franquias!

 

Deixe seu comentário

Descubra como Pure Pilates Ajudou Mais de 15.000 Pessoas

Reserve sua aula gratuita!

Agendar Agora

Seja um franqueado!

Saiba mais