Pesquisas indicam que o exercício protege contra a ansiedade!

Pesquisas indicam que o exercício protege contra a ansiedade!
Avalie este post

Que o exercício protege contra a ansiedade, muita gente já tem ideia. Mas é comum que as pessoas possuam dúvidas sobre o quanto ele impacta na melhora dos sintomas de maneira prática, ou seja, se fazer exercícios é uma questão de indicação médica e psiquiátrica de fato.

Para responder essas perguntas, fizemos uma pesquisa à respeito da relação entre a ansiedade e a prática de atividades físicas e quais são as recomendações médicas de uma forma geral. Confira!

Exercício protege contra a ansiedade mesmo quando ela já está instalada

 

Você sabia?

Pure Pilates Aula Experimental - Quanto custa uma aula de pilates

Que a Pure Pilates é a maior Rede de Pilates do Brasil?

E que você pode agendar uma aula experimental agora mesmo?

Temos unidades em diversas regiões e estamos crescendo rapidamente. Provavelmente, uma de nossas unidades fica perto de você.

Clique aqui, e agende agora mesmo uma aula experimental sem compromisso e comprove na prática os benefícios do Pilates

Segundo pesquisadores da USP, Universidade de São Paulo, o exercício protege contra a ansiedade mesmo quando ela já está instalada, em qualquer grau – havendo ou não a necessidade de tomar medicamentos para seu controle.

De acordo com os resultados, ficou constatado que o corpo reage de forma positiva à aceleração cardíaca que as atividades promovem.

É como se pudéssemos simular no organismo sintomas parecidos com o que a ansiedade traz, porém, de maneira positiva e controlada.

Ainda de acordo com os médicos e especialistas das pesquisas na USP, o ideal seria que “houvesse, junto com a receita médica dos remédios para controle da ansiedade, uma receita para que o paciente fizesse exercícios como forma de controle da ansiedade”.

 

Os tipos de exercícios mais indicados

 

O exercício protege contra a ansiedade, todos eles em algum nível. Mas, obviamente existem o que mais ajudam no tratamento, especialmente quando já existe o problema pré-existente. Separamos quais são eles:

 

  • Pilates:

 

Ficou comprovado que o Pilates une ações contra a ansiedade, obesidade e também contra a depressão. Apesar de não estarmos falando de um exercício aeróbico, o fato do Pilates promover melhoria da autoestima e ter alta intensidade faz com que ele seja indicado para esse tipo de tratamento.

Porém, é válido lembrar que o exercício tem maior efeito se for combinado com um aeróbico, como caminhadas pontuais de 30 minutos, ao menos duas vezes na semana.

Além do benefício de prevenir a ansiedade e controlar a já existente, o Pilates também traz benefícios na questão da consciência corporal – ele é um dos mais indicados para os sedentários que conhecem pouco do seu corpo, por exemplo. Vale a pena fazer uma aula experimental para sentir os efeitos.

 

  • Natação:

 

Outro exercício incrível para combater a ansiedade é a natação. O motivo é simples: além de ser algo excelente pela questão aeróbica, a natação trabalha de forma progressiva a questão da respiração.

Além do Pilates, se você tiver possibilidades, vale a pena fazer a natação em conjunto, ao menos duas vezes por semana.

 

Conclusões

 

Em suma, o mais importante é escolher ao menos um exercício semanal, que te agrade e que você não desista depois de pouco tempo. Os dois citados acima são ótimas opções, já que costumam ser agradáveis e com auxílio de um professor – ajudando o aluno a se sentir desafio e com menos tendência a se tornar sedentário novamente.

 

Gostou das dicas de hoje e já sabe que o exercício protege contra a ansiedade? Faça uma aula experimental de Pilates e comece já sua nova vida!

 

Deixe seu comentário

Reserve sua aula gratuita!

Agendar Agora

Seja um franqueado!

Saiba mais