Como surgiu o Pilates?

A técnica do Pilates foi criada pelo alemão Joseph Hubertus Pilates e sua origem está ligada a trajetória desse profissional que, por ter sofrido com doenças como asma, raquitismo e febre reumática, ficou interessado em adquirir um corpo sadio para não ter mais problemas de saúde. Ao buscar técnicas do oriente e ocidente, o alemão criou uma que combina o fortalecimento do corpo e da mente e utiliza aparelhos de molas criados por ele. Conheça mais sobre essa história:

Como surgiu o Pilates

O Pilates surgiu em 1914 quando Joseph foi enviado a um campo de concentração por ter sido considerado inimigo estrangeiro da coroa britânica. Foi aí que ele passou a experimentar técnicas de exercícios em outras pessoas, além de si mesmo, e contava com a ajuda das molas dos colchões para trabalhar a resistência dos músculos. Na época, o alemão estava em território inglês como professor de autodefesa da famosa Scotland-Yard e lutador profissional de boxe, mas quando eclodiu a Primeira Guerra Mundial foi enviado ao isolamento por conta de sua nacionalidade.

Após o início dos exercícios no campo de concentração, Joseph teve seu trabalho posto à prova e o resultado foi surpreendente: após uma epidemia de influenza que matou muitos internos em Lancaster, aqueles companheiros que se submeteram aos seus treinamentos não foram contaminados.

Com o fim da guerra Joseph Pilates retornou à Alemanha onde passou a interagir com pioneiros das técnicas de movimentos como Rudolf von Laban e Hanya Holm, e também trabalhava como treinador para a força policial de Hamburgo. Em 1923, junto com sua esposa Clara, Joseph embarca para Nova York para montar seu primeiro estúdio. Clara, que era enfermeira, auxiliou Joseph a incorporar seus exercícios de forma que auxiliassem pacientes enfermos.

O surgimento das molas

Em seus dias de confinamento na Inglaterra, Joseph Pilates criou uma forma de auxiliar pacientes que chegavam debilitados da guerra e que passavam muito tempo na cama sem poder se movimentar. Ao notar que as molas das camas poderiam ser úteis para dar ao corpo força, flexibilidade, resistência física e concentração mental, o alemão criou um treinamento e aplicou nos pacientes acamados que demonstraram melhoras não somente em seus problemas de saúde, como em sua respiração, movimentos e consciência corporal. A partir dessa experiência Pilates passou a criar aparelhos com molas para criar o seu método de treinamento físico.

O método Pilates

Reconhecido em todo o mundo por melhorar a flexibilidade, força e consciência corporal, o método consistem em uma série de exercícios controlados, realizados com aparelhos ou em solo (no chão), sempre acompanhado de um instrutor devidamente treinado que garantirá as correções posturais necessárias.

O método Pilates é focado na força do núcleo muscular e no alinhamento da coluna vertebral, ou seja, para uma boa prática é preciso uma concentração profunda em seus músculos, assim como na respiração, contração e qualidade dos movimentos. O método não está focado na repetição rápida dos movimentos, mas na forma correta em que eles são feitos. Joseph Pilates se concentrava no objetivo que chamava de contrology, que consiste na coordenação da mente, corpo e espírito.

Deixe seu comentário

Reserve sua aula gratuita!

Agendar Agora

Seja um franqueado!

Saiba mais